Sites Grátis no Comunidades.net
ONLINE
1


Partilhe este Site...

INDICAMOS

Belas frases

Teteu frases

Ramos da fiel 

Frases Aqui

 Frases Bonitas de amor

Ms-Frases



Total de visitas: 1247020
Poesias de Amor
Poesias de Amor

Namorada

Oh! minha doce namorada,
Por quem eu me apaixonei.
Voce é a mais amada,
Tu és, tudo o que eu sonhei.

Eu te amo como um louco
E te quero como minha mulher.
Conquistaste-me pouco a pouco,
Hoje sou eu, quem mais lhe quer.

Oh! minha linda namorada,
Eu hei de fazer-te bem feliz,
Pois eu sempre amor, lhe quiz.

Meu doce encanto, minha amada,
Que conquistou o meu coração,
Tu és ternura e a minha única paixão...

 

 

Esse é um soneto do mestre:

 

Se te comparo a um dia de verão
És por certo mais belo e mais ameno
O vento espalha as folhas pelo chão
E o tempo do verão é bem pequeno.

Ás vezes brilha o Sol em demasia
Outras vezes desmaia com frieza;
O que é belo declina num só dia,
Na terna mutação da natureza.

Mas em ti o verão será eterno,
E a beleza que tens não perderás;
Nem chegarás da morte ao triste inverno:

Nestas linhas com o tempo crescerás.
E enquanto nesta terra houver um ser,
Meus versos vivos te farão viver.

W. Shakespeare Esse é um soneto do mestre:

Se te comparo a um dia de verão
És por certo mais belo e mais ameno
O vento espalha as folhas pelo chão
E o tempo do verão é bem pequeno.

Ás vezes brilha o Sol em demasia
Outras vezes desmaia com frieza;
O que é belo declina num só dia,
Na terna mutação da natureza.

Mas em ti o verão será eterno,
E a beleza que tens não perderás;
Nem chegarás da morte ao triste inverno:

Nestas linhas com o tempo crescerás.
E enquanto nesta terra houver um ser,
Meus versos vivos te farão viver.

W. Shakespeare

 

Amor

Amemos! Quero de amor
Viver no teu coração!
Sofrer e amar essa dor
Que desmaia de paixão!
Na tu'alma, em teus encantos
E na tua palidez
E nos teus ardentes prantos
Suspirar de languidez!

Quero em teus lábio beber
Os teus amores do céu,
Quero em teu seio morrer
No enlevo do seio teu!
Quero viver d'esperança,
Quero tremer e sentir!
Na tua cheirosa trança
Quero sonhar e dormir!

Vem, anjo, minha donzela,
Minha'alma, meu coração!
Que noite, que noite bela!
Como é doce a viração!
E entre os suspiros do vento
Da noite ao mole frescor,
Quero viver um momento,
Morrer contigo de amor!


Álvares de Azevedo

 

A Dança

 

 

"Não te amo como se fosse rosa de sal, topázio
ou flecha de cravos que propagam o fogo:
te amo secretamente, entre a sombra e a alma.

Te amo como a planta que não floresce e leva
dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
e graças a teu amor vive escuro em meu corpo
o apertado aroma que ascender da terra.

Te amo sem saber como, nem quando, nem onde,
te amo diretamente sem problemas nem orgulho:
assim te amo porque não sei amar de outra maneira,

Se não assim deste modo em que não sou nem és
tão perto que a tua mão sobre meu peito é minha
tão perto que se fecham teus olhos com meu sonho.


(Neruda)

 

Amar é

Amar é a fonte da vida
O começo de uma manhã fresca
Em dias nublados e chuvosos
É o alvorecer da flor sem flor
Um batimento cardíaco sem dor

É sorrir querendo chorar
Correr para te abraçar
Fazer amor até não cansar
É ver as estrelas e te beijar
É nunca cansar de dizer
Que amo você.

 

Amor

Piedade quem domina a arte,
Dos deuses a mágica fama.
Tatue, mima alma proclama,
O Cupido e a Dama.

Juventude, boemia e dores,
Vida de tantas cores ,
Traga dos lábios dos cantores,
O som poético das flores.


E deixarei a saudade,
Embriagado desta realidade,
Do tempo esperando amizade.


Qual =D imagina,
Dos santos cheios de rima
Ou das verdades que me fascina.

Kiko Pardini.

 

Tag: Poesias de Amor